Configurando Roteador TP LINK WR542G ou WR642G

Para verificar a versão de hardware de seu produto TP-LINK, basta olhar a etiqueta localizada na parte traseira do mesmo. Há um conjunto de caracteres “Ver: X.Y” (por exemplo, Ver: 1.0) no campo de Número de Série – o número X indica a versão de hardware do dispositivo. Exemplo: se o conjunto de caracteres for “Ver: 1.1”, isso significa que a versão de hardware é V1.
PASSO 1: RESET (REDEFINIR PARA PADRÃO DE FÁBRICA)

Para garantir que não haja sujeiras na configuração, pegue o ROUTER e seu alimentador de energia.
Ligue o alimentador a uma tomada, mas não conecte-o ao Roteador.
Com um CLIPE de papel aberto, um palito de dente, algo assim, pressione o botão RESET, que se encontra na parte traseira do ROUTER, segure-o apertado e conecte o alimentador ao ROUTER, mantendo o reset apertado por cerca de 4 segundos, até que o SYS LED acenda sem piscar.
Solte então o botão e aguarde 15 segundos.

PASSO 2: CONECTANDO OS CABOS:

Ligue um cabo de rede entre o MODEM e a porta WAN do ROUTER, e outro cabo entre uma porta LAN do ROUTER e o Computador.

MODEM, Roteador e PC deverão ser ligados.

No Computador, clique no BOTÃO INICIAR > CONFIGURAÇÕES > CONEXÕES DE REDE.
Clique, com o botão direito do mouse, sobre o ícone que representa sua placa de rede e clique na opção PROPRIEDADES.
Na lista de itens da conexão, procure PROTOCOLO TCP/IP e clique no botão PROPRIEDADES.
Na guia GERAL, selecione os itens OBTER UM ENDEREÇO IP AUTOMATICAMENTE e OBTER O ENDEREÇO DOS SERVIDORES DNS.
CLIQUE OK na janela atual e anterior (vá fechando na ordem que abriram);

PASSO 3: CONFIGURANDO

No PC, abra seu navegador de internet e digite o seguinte caminho na barra de endereços: http://192.168.1.1

Será apresentada uma janela solicitando o usuário e a senha, informe admin nos dois campos, ambos em letras minúsculas, e clique em OK.

Será então exibida a janela principal de configurações do ROUTER, com o menu de configurações do lado esquerdo da tela.

Clique no menu NETWORK, item WAN.

No painel central aparecerá uma série de itens para ajuste.

Escolha o TIPO DE CONEXÃO WAN, normalmente:
STATIC IP: Serviços tipo EMPRESA, BUSINESS, PROFESSIONAL, etc;
DYNAMIC IP: VIRTUA, AJATO;
PPPoE: Speedy residencial, entre outros que usam conexão DIAL UP;

No caso de STATIC ou DYNAMIC, preencha os campos conforme indicado pelo provedor de serviço.
Para PPPoE, informe o usuário e senha que você usa para a conexão DIAL UP.
Ainda para o PPPoE, em WAN CONNECTION MODE, selecione CONNECT AUTOMATICALLY.

Salve as opções (BOTÃO SAVE).

Para DYNAMIC IP, pode ser necessário clicar no menu MAC CLONE e, depois, no botão CLONE MAC ADDRESS e SALVAR (SAVE). Pergunte ao seu provedor de o uso de roteador WIRELESS requer CLONAGEM DE MAC ADDRESS.

Na seqüência, clique no menu WIRELESS, item WIRELESS SETTINGS.

Em SSID, informe o nome da sua rede sem fio, por exempo HOMELAN, MINHAREDE, REDESEMFIO, enfim, qualquer coisa que ajude-o a idenificar sua rede.

Na região, escolha BRAZIL;
Deixe Channel como 6;
No item MODE, escolha 108mbps (Dynamic), é o mais rápido;
Mantenha ativados os itens Enable Wireless Router Radio e Enable SSID broadcast;

Ative (clicando) o item Enable Wireless security:

Em security type informe WEP;
Security Option: Automatic;
WEP Key Format: HEXADECIMAL;

Logo abaixo, aparecerá uma lista para quatro opções de chaves de segurança. Clique em KEY TYPE do primeiro item e escolha 64Bit.
Na coluna WEP KEY, informe sua chave de segurança, composta por 10 dígitos hexadecimais (números de 0 até 9 e letras de A até F), por exemplo, A0CD33F2B1. Obviamente, não use a do exemplo.

Mas se você ter dificuldades pode sim usar esta senha mudando um ou dois dígitos (exemplo A por D e 1 por 3), ou usar sem chave.

Certifique-se que a coluna KEY SELECTED ficou selecionada em KEY 1.
Anote a chave escolhida, você a usará para conectar os clientes wireless.

Salve as configurações (SAVE).

Clique no menu STATUS e verifiqe a seção WAN: Todos os itens deverão estar preenchidos com números válidos, se estiverem com seqüências 0.0.0.0, algo está errado.
No item DNS SERVER, deverá haver pelo menos um endereço IP, tome nota. Se houver dois endereços, anote os dois.

Finalmente, clique no menu DHCP, item DHCP SETTINGS, e preencha os dois últimos campos: Primary DNS com o primeiro endereço da lista que você tomou nota (parágrafo anterior), e Secundary DNS com o segundo endereço, caso exista.

Por fim, clique em SAVE.

Nesse ponto, sua rede WIRELESS já deve estar pronta, funcional e segura, mas há ainda um item para completar a segurança:

Clique no menu System Tools, item PASSWORD:
Informe:
Old user name: admin (que é o nome do usuário padrão);
Old password: admin (senha padrão de fábrica);
New User Name: admin;
New Password: informe uma senha sua, pelo menos uns 8 caracteres;
Confirm New Password: redigite a senha informada;

Não esqueça de tomar nota da senha.

Clique em SAVE

Quando você clicar nesse último SAVE, seu navegador de internet perguntará novamente o usuário e senha de acesso à página de configuração. Basta você informar o usuário admin e a senha que você cadastrou.

A configuração do ROUTER está pronta e você pode fechar a página de configuração.
Agora, basta você conectar seu dispositivo wireless, informando a CHAVE HEXADECIMAL que você cadastrou ou seja basta você localizar o ícone da sua conexão de rede wireless, realizar a busca de redes sem fio, escolher o nome da rede que você criou (SSID) e dar um duplo clique sobre ela.

Novidades: Agora você pode baixar um software que auxilia na instalação do seu Roteador TP Link de qualquer modelo, basta baixar, abrir o aplicativo e seguir o processo de instalação.  Para tal clique AQUI.

 

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para quem ainda não conhece apresento-lhes o Dropbox!Acessar